Menu fechado

Los Hermanos no Allianz Parque

Buenas! Sábado de clima ameno em São Paulo, ansiedade alta, esperando um reencontro que tempos ansiava: fui ao show do Los Hermanos no Allianz Parque em 18/05/2019.

Turnê 2019 da banda Los Hermanos
Turnê 2019 da banda Los Hermanos

Mas calma lá! Antes, vamos a um mini flashback

Um pouco da história…

Eu recebi meses atrás a notícia de que o Los Hermanos estaria preparando uma turnê de retorno (É caça-níqueis? Provavelmente… mas qual artista não usa desse artifício quando precisa de dinheiro? Sem novidades no front).

Voltando ao sábado. Cheguei à Arena palestrina no final do show de abertura. Uma pena, pois acho bem bacana o trabalho do Rubel (falo disso em outro texto) e enquanto aguardava o início do show principal, fui comprar água e um tira-gosto para passar o tempo, e… “Meodeos”! DEZ REAIS POR UM SAQUINHO DE PIPOCA?!

Que absurdo! Como somos feitos de trouxa nesse país. Reclamações à parte, tenho que elogiar algo positivo: o show agendado para às 21h00, começou pontualmente. É respeito que chama né? Ponto positivo.

Sobre o show

Ansiedade explodindo até que surgem os primeiros acordes de “A Flor” (uma das prediletas da casa) e tudo vem abaixo: música cantada à plenos pulmões, em uníssono pelas 45 mil pessoas que lotavam o estádio.

Os Hermanos se mostram pra lá de afiados e nem parece que já estavam há quatro anos sem tocar juntos.

Durante aquele show enérgico e emocionante, era possível ver a reação que cada acorde, cada letra causava na plateia. Um misto de euforia, felicidade e catarse. O público é uma das partes mais importantes em um show dos Los Hermanos.

E é ele quem dita o ritmo de como será a apresentação, se mais contida, ou mais enérgica. E a banda se aproveitou desse artifício, dosando a reação da plateia de acordo com a intensidade de cada canção.

Fantástico ver 45 mil pessoas cantando os grandes sucessos do Los Hermanos
Fantástico ver 45 mil pessoas cantando os grandes sucessos do Los Hermanos

Há uma simbiose incrível entre público e banda. Algo raro nos dias de hoje.

No show, um repertório de pouco mais de duas horas passando por todos os seus quatro discos, mas quase não interagem. O que nem seria necessário, já que todos estavam lá para curtir a experiência de “vivenciar” as canções ao vivo.

Em contrapartida, os Hermanos ainda nos brindaram com a inédita “Corre corre“, um presente para essa nova turnê que se findava aqui em São Paulo.

Polêmica em seu retorno?

A banda foi chamada de pretensiosa por escolher estádios para esses shows de retorno. Mas, a escolha se mostrou um acerto enorme, pois festa boa é assim: quanto mais gente pra curtir, melhor.

E o que se vê é isso, uma festa compartilhada por público e banda, e que acaba com bexigas, sorrisos e uma enorme sensação de “Até breve!”.

Sensação de um "Até breve!"
Sensação de um “Até breve!” – Foto: Reinaldo Canato/UOL

Que showzaço! Longa vida aos Los Hermanos!

Repertório

A Flor; Além Do Que Se Vê; Retrato pra Iáiá; O Vencedor; O Vento; Todo Carnaval ; Em Seu Fim; Condicional; Corre Corre; Primeiro Andar; A Outra; Morena; Pois É; Sentimental; Samba a Dois; Tenha Dó; Quem Sabe; Descoberta; Anna Júlia; O Velho e o Moço; Paquetá; Do Sétimo Andar; ; Último Romance; De Onde Vem A Calma; Conversa de Botas Batidas

E teve BIS: Deixa o Verão; Azedume; Pierrot

Uma última coisinha…

Agora temos uma nova forma de contato com vocês.

Para sugestões, críticas, elogios e por que não, envio de material, mande-me um e-mail no endereço: juniorferreira@umblogqualquer.com.br. Ou então pelos já tradicionais Twitter ou instagram pelo @hadouken_sp.

Logo menos tem mais.

Outros artigos do autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *