Menu fechado

Se quer falar mal, pegue a fila

Pegar uma fila é um exercício de paciência. Mas é quase um esporte nacional. Assim como falar mal também é. Sendo assim, se quer falar mal, pegue a fila.

O cotidiano… pegar filas

Ao esperar o ônibus para o trabalho, todos os dias pela manhã, me deparo com uma situação curiosa e constrangedora. Qual a ordem que as pessoas devem entrar no ônibus?

Mais velhos primeiros? Ordem de chegada? Quem estava em pé na fila, mesmo chegando depois? Quem estava sentado entra por último?

A fila de espera ainda é um grande desafio para a sociedade. Pegue a fila
A fila de espera ainda é um grande desafio para a sociedade

Bom… realmente… eu não sei.

O melhor do Brasil é a fila…

Pessoas dizem que o símbolo do Brasil é o Samba, o Carnaval, ou Futebol. Porém, para mim, não existe algo mais brasileiro que pegar uma bela e demorada fila. Seja na rua, seja na escola, no recreio, no banco, no shopping ou no trânsito, você vê filas… você pega filas. Um exercício brilhante de paciência e indignação.

Uma vez, ouvi uma história de uma fila de banco em Manaus (não sei se é verídica). A pessoa que me contou a história, chegou no banco antes de ele abrir e entrou em uma fila. Porém, as pessoas que estavam nessa fila estavam com tijolos na mão. Mesmo sem entender, ela também pegou um tijolo.

Dentro do banco, as pessoas ainda em filas, colocavam os tijolos no chão e iam para outras filas (fila do gerente, fila para pegar talão de cheques, etc.), a pessoa que ficava atrás do que tinha abandonado o tijolo no chão, empurrava o tijolo para frente na medida que a fila andava.

O tijolo era na verdade a garantia de um lugar na fila, uma espécie de avatar que representava a pessoa em qualquer fila. Genial, ou não?

Só em pensar, que existem pessoas que cegam em até 2 dias (ou bem mais), antes de um show, para ter o privilégio de ser o primeiro da fila. Existem ainda os que ficam na fila para ser os primeiros a comprar o novo Iphone, mesmo que daqui a alguns meses existirá outro celular mais novo.

Pegar fila é cansativo

Fila do hospital é a pior, você entra para fazer uma vacina da gripe e conhece o quadro clínico de 50 pessoas diferentes que estão na fila falando de suas doenças e mortes de familiares.

Isso quando você é atendido… pois na maioria das vezes a pessoa tem que voltar outro dia e começar as mesmas histórias tudo de novo. Ao invés de não contrair uma doença, você sente que tem várias. E a hipocondria vai ao extremo.

Fila para tudo

Pois é, agora esse texto entra na fila da redação. O nosso Senhor Editor irá colocar imagens e destaques. Mas tenho que esperar a publicação na fila. Afinal, temos o texto do Júnior, do PH, entre outros na minha frente.

Nota do Editor: Publiquei… publiquei, diabos!

Senhor Editor

Desta forma, eu entro no paradoxo de falar sobre fila, pois eu vivo em uma fila de espera da publicação. Aí está, mais brasileiro que as filas, só o Zé Carioca.

Outros artigos do autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *